Biografia

Edivaldo Pereira Alves (São Paulo, 20 de setembro de 1970), mais conhecido pelo seu nome artístico Edi Rock, é um cantor e compositor paulista brasileiro.

Figura sem dúvida entre os mais importantes poetas do país, além do reconhecimento notório no Hip-Hop.

Junto com os demais membros da família Racionais, representa o que existe de mais importante na música black, sendo a história viva do rap nacional.

Escreveu algumas das maiores pérolas líricas do Rap, que narram além de fatos do cotidiano de muitas pessoas, histórias e lições de vida que tocam as pessoas que escutam. Essa, aliás, é uma particularidade sobre seu trabalho, que chegou até a narrar um acidente automobilístico em uma música, descrevendo uma fatalidade sem deixar de tornar a história triste em um aprendizado importante para seus fãs.

A desigualdade social também é alvo de suas denúncias ácidas e verdadeiras, retratando universos distintos e seus problemas sob perspectivas imparciais.

Começou sua carreira em 1984, quando fazia bailes em residências ao lado de seu companheiro DJ KL Jay e, em 1987 conhece por meio de bailes negros como Chic Show, Zimbabwe, Black Mad e Kaskatas, entre outros, da musica "Rap americana". Frequentando a São Bento do metrô conheceu o movimento "Hip-Hop", lugar de fundação da cultura e local onde frequentava, criou seu nome artísco junto com o seu amigo DJ KL jay se inspirando em rappers americanos da época como Eazy Rock, Run Dmc, LL.Cool J.,Beastie Boys e outros e logo em seguida rappers nacionais da época como Thaíde e DJ Hum, Black Juniors, Pepeu, Naldinho, Irmãos Metralha, DJ Cuca, MC Jack e DJ Ninja entre outros. Desde o início já mostrava indicações do caminho que escolheria para suas composições e produções. Em 1988 na periferia da cidade de São Paulo, ao lado do próprio KL Jay, Mano Brown e Ice Blue fundam o grupo de rap Racionais MC's, onde continua até os dias de hoje. 

É convidado com frequência a palestras e debates, envolvendo os temas de suas músicas e letras inspiradas em suas experiências de vida, cotidiano e amizades. Uma frase conhecida de suas autorias "A alma guarda o que a mente tenta esquecer" é tatuada pelos fãs em sinal de admiração. Natural da Zona Norte de São Paulo bairro Jaçanã, 42 anos, tem a autoria de Edi as canções "Mágico de Oz", "Rapaz Comum", A Vida é um Desafio, Negro Drama entre outras em parceria com Mano Brown, Ice Blue e KL Jay. Gravou o seu primeiro cd solo em 1999, apresentando para os fãs revelações como SNJ no hit "Só o Pó".  

Gravou e produziu mais um hit de sucesso nos bailes e rádios do gênero com DMN na faixa H. Aço concorrendo como a melhor musica e clipe pela MTV VMB, fez uma parceria com a banda inglesa Asian Dub Foundation na faixa 19 Rebellions, sobre as rebeliões orquestradas pelo PCC (Primeiro Comando da Capital) 2001 e seu exemplo como ação organizada contra o Estado e o Status Quo.
"That's my Way" faixa de trabalho do seu cd solo Contra Nós Ninguém Será, com participação especial de Seu Jorge, foi eleita pela Revista Rolling Stones Brasil como a 14* melhor música do ano, concorreu a melhor video clipe MTV VMB onde perdeu para "Marighella", do próprio Racionais MC's. 

Seu CD solo “Contra Nós Ninguém Será”, lançado pela Bagua Records, contém 23 faixas e múltiplas parcerias de peso, como Marcelo Falcão dO Rappa e Alexandre Carlo do Natiruts em mais um hit intitulado "Abrem-se os Caminhos".  



Ouça o novo som do EDI ROCK